TODO O HOMEM É MEU IRMAO

Tu, a quem a vida pouco deu, que deste o nada que foi teu em gesto desmedidos…
Tu, a quem ninguém estendeu a mão e mendigas o pão dos teus sentidos…
Homem só, meu irmão!
Tu, que andas em busca da verdade e só encontras a falsidade em cada sentimento…
Inventa, inventa amigo uma canção, que dure para além deste momento…
Homem só, meu irmão!
Tu, que nesta vida te perdeste e nunca a mitos te vendeste, dura solidão…
Faz dessa solidão o teu chão sagrado, agarra bem teu leme ou teu arado…
Homem só, meu irmão!
(Dr. Luiz Goes)

Neste poema, estão todos e faltam alguns, pela sua diversidade, dos homens que são todos nossos irmãos. Vejamos o significado da palavra fraternidade:
Fraternidade é um termo oriundo do latim frater, que significa “irmão”.
Por esse motivo, fraternidade significa parentesco entre irmãos. A fraternidade universal Continue reading “TODO O HOMEM É MEU IRMAO”

Anúncios

Incorporação Mediúnica

É a forma de mediunidade que se caracteriza pela transmissão falada das mensagens dos Espíritos. É, em nossos dias, a faculdade mais encontrada na prática mediúnica. Pode-se dizer que é uma das mais úteis, pois, além de oferecer a oportunidade de diálogo com os Espíritos comunicantes, ainda permite a doutrinação e consolação dos Espíritos pouco esclarecidos sobre as verdades espirituais.
O papel do médium seja ele consciente ou não, é sempre passivo, visto que servindo de intérprete neste intercâmbio, deve compreender o pensamento do Espírito comunicante e transmiti-lo sem alteração, o que é mais difícil quanto menos treinado estiver. Continue reading “Incorporação Mediúnica”

História do Movimento Umbandista no Brasil

O Movimento Umbandista é um movimento filo-religioso surgido no final do século XIX , no Brasil, quando entidades espirituais, integrantes da Confraria dos Espíritos Ancestrais, passaram a manifestar-se, pela mediunidade, em rituais de cultos praticados por Africanos e Indígenas, miscigenados com elementos do catolicismo introduzidos pela Raça Branca.
Na verdade, a eclosão do Movimento Umbandista foi decorrência das necessidades cármicas que fizeram reunir, no solo brasileiro, representantes das raças branca, amarela, negra e remanescentes da vermelha. Continue reading “História do Movimento Umbandista no Brasil”

O Tronco Tupy da Umbanda

A palavra Umbanda é um vocábulo sagrado da língua Abanheenga, que era falada pelos integrantes do tronco Tupy. Diferentemente do que alguns acreditam, este termo não foi trazido da África pelos escravos. Na verdade, encontram-se registos de sua utilização apenas depois de 1934, entre os cultos de origem afro-ameríndia. Antes disto, somente alguns radicais eram reconhecidos na Ásia e África, porém sem a conotação de um Sistema de Conhecimento baseado na apreensão sintética da Filosofia, da Ciência, da Arte e da Religião. Continue reading “O Tronco Tupy da Umbanda”

O Principio Ecuménico

O fundamento religioso caracteriza-se pela crença e fé em algo, que pode ser um Deus, uma energia, um ser superior, ou mesmo a simplicidade do nosso estado natural, a Natureza.Dentro de uma diversidade cultural no mundo, como se verifica nos dias de hoje, em 6 mil milhões de habitantes, continua a existir a crença no indivíduo e a liberdade de escolha cultural, e até mesmo religiosa. É dentro da liberdade religiosa que nos importa fazer foco ao principio ecuménico, o principio ecuménico caracterizar-se pela aceitação activa inter-religiosa, sim activa, dado que a aceitação passiva transfigura-se no principio de respeito. Assim, como se manifesta o Principio ecuménico? Continue reading “O Principio Ecuménico”

De que é feita a Umbanda?

“É feita de tijolinhos…
Isso mesmo, tijolinhos bem pequenininhos que recebemos antes de voltarmos à parte encarnada do planeta.
Esses tijolinhos que Deus, Olorum, Nosso Pai Criador, nos deu, veio com a seguinte instrução:
– Vá, procure os outros tijolinhos e construam na Terra um portal que irá acelerar a evolução de uma boa parte da humanidade. Continue reading “De que é feita a Umbanda?”

Tudo tem o seu tempo…

Hoje eu também decidi falar…
É estranho para mim ouvir as pessoas falarem das suas vivências e como descobriram e se entregaram a nossa religião, a Umbanda e porque?
Porque eu nunca conheci outra realidade, a Umbanda faz parte de toda minha vida, é a única coisa que conheci e foi a ela que decide me entregar e exercer o meu caminho espiritual, por isso que afirma que não fui eu que encontrei a Umbanda, eu tive o privilégio de ter sido ela a encontrar-me.
Por vezes podemos por muitas coisas em causa e questionar sobre muitas coisas que nos acontecem, mas o que é Continue reading “Tudo tem o seu tempo…”